Blog

Cirurgia para aumentar o bumbum: conheça a gluteoplastia

By 14 de February de 2019 No Comments
14 de fevereiro de 2019

Muitas mulheres sonham com o bumbum perfeito e buscam alcançar esse objetivo malhando forte em academias. Porém, nem sempre os exercícios proporcionam os resultados desejados. Essa busca pode ser simplificada através da Gluteoplastia, cirurgia que aumenta e melhora de contorno do bumbum, com a lipoescultura (enxerto de gordura) ou a utilização da prótese de silicone. Esta é uma das cirurgias plásticas mais procuradas no Brasil, perdendo apenas para rinoplastia e mamoplastia

Dados divulgados pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica (ISAPS, na sigla em inglês) revelam que o Brasil é líder mundial no número de colocação de prótese no glúteo. Só em 2014 foram realizadas cerca de 50.789 Gluteoplastias, mais que o dobro que os Estados Unidos.

Especialista em cirurgia plástica, o médico Anacleto Bassetto atesta a eficácia e os resultados do procedimento: “Sem dúvidas, a Gluteoplastia é hoje uma ótima opção para quem deseja dar um ‘up’ no bumbum, com resultados naturais. A procura por essa cirurgia é grande em nossa clínica, em função dos bons resultados e do baixo índice de contraindicação que ela apresenta”, afirma o profissional.

Como são as próteses para aumento do bumbum

Constituídas de elastômero de silicone, as próteses são similares a um tipo de borracha, e preenchidas com gel de silicone de alta coesividade. Elas estão disponíveis em mais de um formato, para que o médico possa optar por aquele mais adequado a cada pessoa.

Para definir o tamanho e o formato dos implantes, o cirurgião plástico avalia o biotipo do paciente, considerando a estrutura do corpo, altura e outros detalhes anatômicos. A partir daí ele define se usará implantes redondos ou ovais e o volume, sempre buscando a harmonia do conjunto.

“É importante lembrar que cada procedimento possui orientações pré e pós-operatórias específicas. Na consulta com o cirurgião plástico, que deve ser completa e detalhada, é realizada a avaliação física do paciente, além da análise de seu histórico pessoal e familiar”, ressalta o Dr. Bassetto.

Como funciona a Gluteoplastia de aumento

O implante de silicone é feito através de uma única incisão de 6 a 8 centímetros entre os glúteos. O implante é localizado dentro do músculo glúteo maior. No pós-operatório o paciente deve permanecer 30 dias sem sentar ou fazer atividades físicas e deve dormir de barriga para baixo ou de lado. Muitos mitos e verdades existem sobre esse procedimento. Confira aqui quais são.

Para o enxerto de gordura o período de internação é de 12 a 24 horas. Já para o implante de silicone, o período de internação é de 24 horas.

Contra-indicações

Havendo boas condições clínicas de saúde, a contraindicação da Gluteoplastia se restringe a doenças autoimunes, como o lúpus eritematoso sistêmico, por exemplo, cujo quadro clínico pode ser agravar com a implantação do silicone. A cirurgia também não é recomendada para pessoas que tenham problemas cardíacos. O mesmo vale para quem tem o bumbum muito flácido. Nesse caso, é necessário que a paciente realize um procedimento cirúrgico para remover a pele primeiro.

Resultados

Os resultados da Gluteoplastia de aumento podem ser vistos imediatamente. Entretanto, os resultados finais só aparecem depois da redução do edema, o que demora cerca de um mês para acontecer. Quando feita com um médico responsável e eficiente, e se todas as recomendações forem seguidas à risca, os resultados normalmente são muito positivos.

brayan

Author brayan

More posts by brayan

Leave a Reply