Lipoaspiração depois da gravidez: resgatando sua sensualidade

O período pós-parto também pode trazer uma renovação na sua aparência

O período pós-maternidade é considerado, por muitas mulheres, uma época em que a aparência do corpo se diferencia muito mais do que o esperado

Por isso, atualmente, a busca das cirurgias plásticas pelas recentes mães tem crescido no Brasil – especialmente entre mulheres com mais de 35 anos. Nesse momento, as mulheres veem claramente as vantagens da lipoaspiração depois da gravidez: uma mente saudável, um corpo modelado e uma grande melhora na autoestima.

A “reforma da mamãe”, como é chamada popularmente, apresenta uma alta de até 30% nas clínicas nos últimos dois anos entre as mães. A orientação para as mulheres é que as mães que desejam se submeter às cirurgias aguardem pelo menos um ano após o período de amamentação. “As mulheres que procuram as cirurgias depois da maternidade buscam recuperar a autoestima. Normalmente, relatam dificuldade de alcançar a forma física desejada com exercícios físicos e alimentação e, em geral, estão decididas a não ter mais filhos”, explica o cirurgião plástico Anacleto Bassetto.

Quais são as principais vantagens da lipoaspiração?

• Ela elimina gorduras localizadas;

• É uma cirurgia modeladora, ou seja, é indicada justamente para quem gostaria de melhorar o contorno corporal;

• É perfeita para quem já fez de tudo pra se livrar das gorduras, mas não consegue;

• A curvas ficam mais valorizadas com o resultado do procedimento;

• As cicatrizes são pequenas.

Quais são os principais requisitos para fazer uma lipoaspiração depois da gravidez?

Bassetto afirma que é essencial a espera de, no mínimo, um ano depois do fim da amamentação para se submeter ao procedimento. “O ideal seria esperar dois anos, porque a criança já estará andando. Antes disso, é preciso pegá-la muito no colo”, sugere. Fora isso, é preciso ter certeza que não se quer ter mais filhos, já que uma gravidez após o procedimento pode causar mudança parcial ou total no resultado da cirurgia na região abdominal.

Um exemplo foi o caso da jornalista, paciente da clínica, de 36 anos, que pediu para não ter seu nome divulgado, que conta como foi sua experiência – ela esperou seis anos após o nascimento do segundo filho para se submeter, em junho, às cirurgias. “Depois dos 35 anos é mais difícil manter o corpo. Dei o intervalo porque queria ter certeza de que não teria mais filhos”. Apesar de praticar musculação e também corrida, a empresária não conseguia uma forma física que a agradasse. “Eu não ficava sem roupa na frente do meu marido e só usava blusas folgadas. Agora, não vejo a hora de ir à praia”, conta.

É fundamental a escolha de um bom cirurgião plástico para realizar suas cirurgias depois da gravidez.

Se você quer segurança e profissionalismo, a clínica Anacleto Bassetto oferece serviços realizados por profissionais eficientes e qualificados. Entre em contato com a equipe através do número (41) 3339-6009 e agende sua consulta!

icon-foneFone/Fax: (41) 3339-6009
icon-fonewhatsapp  (41) 99659-0909
icon-localeRua Martim Afonso, 1363  |  Champagnat  |  Curitiba - PR  |   Brasil  |  CEP: 80730-030